C'est super!

Posts Tagged ‘queijo francês

baragnaudes

 

É aquele queijo com manchinhas verdes! E você sabe como surgem essas manchinhas? É isso mesmo que você está pensando! Ça moisit! Quem diria que um dos queijos mais finos da França é produzido com mofo de pão?!?! O processo de envelhecimento é estimulado com o uso da Penicillium roqueforti durante a elaboração do queijo. 

Claro que não é o mesmo mofo que você encontra no seu pãozinho industrializado! O Roquefort fica em caves com umidade e frio específicos para aquela produção. Essa combinação de sucesso, diz a lenda, foi descoberta por acaso. Um camponês teria se encantado por uma moça e abandonado seu queijo junto a um pedaço de pão em uma gruta fria e úmida par air encontrá-la. Dias depois, quando voltou à gruta, percebeu que tanto o pão quanto o queijo tinham manchas verdes. Sorte nossa que ele não só não jogou fora, como experimentou e gostou!

Cave-Roquefort

Importante: somente os queijos originários das 7 caves de Roquefort-sur-Soulzon podem ser chamados de fromage de Roquefort! O resto não é oficial! 

Nosso convidado de hoje é o Filipi Andrade.  Aproveitem as dicas, pois estão incríveis e podem proporcionar uma super viagem com um orçamento possível! Ah, e o destino é o meu mais novo amor: a Córsega! Merci beaucoup, Filipi!! 🙂

« Depois de descobrir que estivemos na Córsega ao mesmo tempo e trocar algumas palavras sobre esse destino inesquecível, recebi da Eleonora o gentil convite de escrever sobre os meus dias na Île de Beauté (ilha da beleza em francês), como é comumente chamada – com muita justiça, devo dizer. Seguem então algumas das minhas impressões deste belíssimo destino e algumas dicas pra aproveitar o máximo sem extrapolar no budget da sua viagem.

Lire le reste de cette entrée »


wordpress hit counter
Follow C'est super! on WordPress.com
Follow C'est super! on WordPress.com