C'est super!

Posts Tagged ‘corsica ferries

Nosso convidado de hoje é o Filipi Andrade.  Aproveitem as dicas, pois estão incríveis e podem proporcionar uma super viagem com um orçamento possível! Ah, e o destino é o meu mais novo amor: a Córsega! Merci beaucoup, Filipi!! 🙂

« Depois de descobrir que estivemos na Córsega ao mesmo tempo e trocar algumas palavras sobre esse destino inesquecível, recebi da Eleonora o gentil convite de escrever sobre os meus dias na Île de Beauté (ilha da beleza em francês), como é comumente chamada – com muita justiça, devo dizer. Seguem então algumas das minhas impressões deste belíssimo destino e algumas dicas pra aproveitar o máximo sem extrapolar no budget da sua viagem.

Lire le reste de cette entrée »

Publicités

L’Île Rousse, cidade pequena e super charmosa! 

 

Perto de Calvi, em meio aos rochedos avermelhados (daí vem o nome), encontra-se a bela « Ilha Ruiva ». Chegando de avião, o aeroporto mais perto é o de Calvi. Chegando de navio, pode-se aportar em Île Rousse. A vantagem da segunda opção, é presenciar um pôr-do-sol na saída do continente e um nascer-do-sol maravilhoso na chegada à ilha. Recomendo! (SNCM, Corsica Ferries)

IMG_2390

A cidade tem uma praça muito agradável (Place Paoli), com vários cafés e cheia de árvores. Há sempre alguém jogando pétanque (típico francês, parece a nossa bocha) A praia margeia o centro da cidade e é limpinha (a famosa promenade de la Marinella. Se estiver de carro, existem ainda outras praias incríveis a serem descobertas, como a praia de Bodri (dica de um local). Se for alugar um carro na cidade, a Europcar tem uma representação em uma agência de viagens na praça do centrinho mesmo. Se chegar pelo aeroporto, há mais opções de empresas. 

IMG_2413

Pertinho do porto, fica a torre genovesa, edificada no século 15 e um farol de 1857. Subindo lá, a vista é de tirar o fôlego- literalmente, porque é uma subidinha (mas há a opção do trenzinho também! Alí do lado, tem um hotel muito bom: La Pietra. 

IMG_2442

Ainda no centro da cidade, há uma feira em um curioso templo grego. Construído em 1850, foi considerado monumento histórico e marca a entrada para a parte antiga da cidade (vieille ville). Lá, todas manhãs, encontramos produtos frescos e locais: frutas, legumes, muito peixe e os produtos típicos da região. 

 


wordpress hit counter
Follow C'est super! on WordPress.com
Follow C'est super! on WordPress.com
Publicités